MATERIAL EXCLUSIVO: ENTREVISTA COM AMY LEE (2012)

Deusa do Rock, ícone de uma moda própria e alternativa, musicista talentosa e dona de um senso de humor único – Todas essas palavras conseguem descrever um pouco sobre uma pessoa especial – Porém, para nós, fãs, nada a define melhor do que “inspiração”. É com muita honra e prazer que o Amy Lee Brasil tem a alegria de compartilhar nossa primeira entrevista exclusiva com Amy Lee! Abaixo, Amy nos fala um pouco sobre o antigo título de MIHB, sobre o que acharia de atuar em um filme, sobre o que aconteceu com as roupas que usou nas turnês passadas, músicas, lançamento de “Your Love” e bandas que mais anda escutando atualmente e, claro, mandou uma mensagem para os fãs brasileiros, uma vez que o Evanescence está prestes a pisar em nosso solo mais uma vez para uma turnê de cinco shows: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife e Fortaleza. Nós, da equipe do ALBR, queremos agradecer à manager Christina e especialmente à própria Amy por ter sido tão doce e simpática ao reservar um tempo para falar conosco.

1. Antes de tudo, nós queremos te agradecer por essa entrevista. Significa muito para nós!

Sem problemas! Mal posso esperar para vê-los de novo

2. No chat do Spotify, você disse que o título provisório de “My Heart is Broken” era ‘Metalocalarp’. Você pode falar mais um pouco sobre isso?

Eu, Tim e Terry escrevemos a música juntos na minha casa em Nova York. Tim programou uma batida simples de bateria no computador e colocou para repetir, e eu comecei a dedilhar aquela parte do piano na harpa, e depois Terry veio com a guitarra. Nós a amamos logo de cara e quando nos juntamos com o resto da banda, essa música realmente tomou vida. Quase sempre temos nomes temporários idiotas para as músicas antes de escrevermos a letra e nomeá-la de verdade. Metalocalypse+harp = Metalocalarp.

3. Qual conselho você daria para uma pessoa que está passando por tempos difíceis?

Depende do quê você está passando, claro. Somos complexos – mas eu acho que essa necessidade emocional é universal: precisamos nos sentir compreendidos. Precisamos sentir como se não fossemos os únicos que já sentiram a dor que estamos sentindo. Eu geralmente encontro essa conexão por meio da música, ela tem o poder de expressar mais do que as palavras podem dizer. Mas precisamos uns dos outros, no final das contas. Compartilhe seu coração, não o bloqueie.

4. Eu preciso te agradecer por me apresentar ao mais recente álbum do Massive Attack, Heligoland. Qual sua música preferida desse CD? Minhas favoritas são “Pray for Rain”, “Paradise Circus”, “Girl I Love You” e “Atlas Air”.

Eu tenho um amor especial por “Paradise Circus”. Eu estava escutando-a ontem mesmo – sério, uma das minhas músicas favoritas, ela possui um sentimento triste e lindo.

5. Por curiosidade, você já escutou o novo álbum da Björk, Biophilia? Você gostou?

Sim, é bem incomum (como sempre!). Minha música preferida é “Crystaline”.

6. Se você fosse chamada para atuar em um papel num filme, você aceitaria?

Para o papel certo no filme certo, absolutamente! Eu adoraria fazer parte de algo realmente criativo e único.

7. Qual era seu personagem favorito da série de TV LOST, e por quê?

Ohh, essa é BOA! Sawyer!!!! Porque debaixo do cowboy durão, ele é sensível e tem um bom coração.

8. Todos sabemos que você é uma grande fã de Adventure Time e parece que você quer participar do programa; se eles te convidassem, seria como um sonho se tornando realidade?

Sim, seria absolutamente um sonho se tornando realidade- Eu tentei conseguir uma vaga como convidada em meus desenhos favoritos durante anos e nunca consegui! (Space Ghost, Metalocalypse, Aqua Teen…). Eu sei que eu poderia conseguir!

9. O que você anda ouvindo atualmente? Alguma banda ou álbum favorito?

Desde que começamos a fazer a turnê com o Halestorm, eu me tornei fã. Eu gosto muito do novo álbum deles e cantar “Break In” com a Lzzy tem sido realmente maravilhoso (porque, agora, essa é a minha música favorita!).

10. O que aconteceu com aquelas músicas gravadas com Steve Lillywhite? Você vai voltar ao estúdio para terminá-las e talvez lançá-las como um trabalho solo ou algo do tipo? Sabemos que algumas delas foram retrabalhadas e que estão no novo álbum, autointitulado, e que são curiosas.

Legalmente, não podemos usar nada que gravamos naquela sessão com o Steve. As músicas são nossas, então podemos regravá-las quando estivermos prontos. Algumas delas são muito especiais e eu adoraria refazê-las algum dia. Não tenho um plano ainda, vamos tomar algum tempo para nos juntarmos depois dessa turnê.

11. Aquela fase eletrônica/trip-hop pela qual você passou há alguns anos se foi?

De jeito nenhum.

12. Há uns 3 anos, você tocou “Your Love” no Legends & Lyrics, e eles estão passando por alguns problemas financeiros, e talvez nunca ouviremos a versão ao vivo dessa música nova, você tem algum plano para lançá-la algum dia? Ou colocá-la no próximo álbum?

Bom, já que o L&L possui a gravação, eles controlam o que acontece com ela. Espero que eles postem no YouTube ou algo assim, foi muito legal.

13. Em abril, você cantou junto com Paula Cole e Ashley Arrison na Restore Freedom Gala, e muitos fãs disseram que vocês fizeram um ótimo trabalho e que deveriam gravar essas músicas no estúdio. O que acha sobre isso? Que tal lançar um EP com elas para arrecadar fundos?

Estou totalmente aberta para algo assim. Eu amo cantar com outras mulheres, eu sinto falta dos coros e da harmonização do amor. Além disso, é legar ser capaz de trabalhar com seus amigos! Às vezes, é uma coisa muito bonita quando algo especial acontece apenas uma vez, ao vivo.

14. Meu amigo chileno Javier me pediu para perguntar para você: Em uma entrevista recente, você disse que os fãs sul-americanos são os mais fortes, então nesta turnê sul-americana, você acha que a banda terá mais confiança e influência na mídia? E você se lembra dos fãs chilenos ao longo da sua última visita ao país?

Os fãs sul-americanos são os nossos mais barulhentos, com certeza! Sua paixão pela música é inspiradora! É algo especial fazer shows aí porque a responsabilidade é tão grande. Tudo que queremos ver é o público surtar, como acontece no Brasil, Argentina, Chile, etc. Neste momento na música, especialmente no rock, quando se trata do mainstream, eu não tenho confiança. Acho que não se trata mais do que é popular, se trata do que alguns empresários pensam o que você comprará depois. Não estou interessada em mudar para ser aceita, eu já tenho vocês. Vamos arrebentar!

15. O que mais te anima ao vir a América do Sul? Especialmente ao Brasil.

Os shows, é claro. E, desta vez, teremos alguns dias de folga entre os shows, onde eu acho que teremos a chance de explorar e curtir o país. Vou tentar fazer disso meio turnê, meio férias!

16. Em uma entrevista recente, você disse que estava planejando fazer cover de uma música do Michael Jackson, você fará isso em sua próxima turnê (na América do Sul)?

Não, mas temos uma coisa especial planejada que vocês vão gostar mais ainda. Algo que vocês jamais ouviram.

17. Você ainda tem suas roupas de palco das turnês do Fallen e The Open Door? Se sim, o que você fez com elas e você vai usá-las algum dia?

Tenho algumas, eu guardo as especiais. Eu ainda uso algumas delas também! Acho que seria bem legal leiloar algumas peças para caridade.

18. Muito obrigado pela entrevista. Agora, envie uma mensagem para seus fãs brasileiros/sul-americanos. Mal podemos esperar para ver você e os meninos em nosso país.

Eu não posso agradecer o suficiente pelo apoio de vocês ao longo dos anos, vocês me surpreendem. Estamos muito animados com a turnê- não tem jeito melhor de terminar o ano do que com os nossos amigos na América do Sul!! Amamos vocês.

Entrevista realizada em setembro de 2012.

In case you want to read the original interview in English, please access the following link: http://amyleebrasil.tumblr.com/entrevista-com-amy-lee (it is on the end of the page)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.